Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Talvez Outro Dia

Talvez Outro Dia

Ter | 10.12.19

Veronika Decide Morrer, Paulo Coelho

RitaMonteiro

DSC_8802.jpg

O meu gosto pela leitura não surgiu tão cedo quanto eu gostaria... na verdade, eu só comecei a gostar de ler quando tinha 13/14 anos, com este livro de Paulo Coelho. 

A história começa com uma jovem que se tenta suicidar com comprimidos, mas não chega a morrer. É levada para o hospital, são-lhe dados os devidos tratamentos, mas o médico diz-lhe que ela ficará com sequelas para toda a vida e que não sabe quanto tempo de vida tem, se um dia, uma semana, um mês, um ano ou mais... Esta jovem é levada para um hospital psiquiátrico onde se apaixona por um rapaz que sofre de esquizofrenia, e como não sabe quanto tempo de vida tem começa a viver cada dia como se fosse o último; fazendo coisas que lhe dão prazer e acima fazendo coisas que todos nós "deixamos para amanhã". É aqui que, na minha opinião, reside todo o interesse deste livro, no fazer as coisas que queremos, no não deixar para amanhã... todos nós estamos tão certos que amanhã teremos tempo para fazer as coisas que esquecemo-nos que não é certo se estamos cá amanhã. Este livro ensinou-me sobre viver um dia de cada vez, ser feliz todos os dias, fazer o que queremos e o que nos faz bem, no agora, no hoje. 

O resto do livro não vos posso contar porque perde a piada  mas aconselho muito que o leiam.

Foi este livro que cultivou em mim o amor pela leitura, e ainda hoje tudo o que esteja relacionado com psicologia é dos meus temas preferidos para ler. 

Boas leituras 

RitaMonteiro 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.